A Arma é boa, o Pênis é mau.

zardoz_hartter_by_hartter-d5smjcc

Sempre que eu assisto um filme digno de análise eu dou um passeio pela internet procurando ler o que outros críticos acharam do filme antes de começar a escrever qualquer coisa. Via de regra encontro críticas bem semelhantes às minhas e de quebra algum review mais profundo com referências que eu não tinha antes. Para minha surpresa, com Zardoz (1974) a situação foi completamente diferente. Se jogar o termo no Google verá que 99% da internet classifica o filme como um dos piores já feitos. Fiquei impressionado ao ver várias pessoas reduzindo o filme à sua estética. Antes de dizer porque gostei dele, vamos à sinopse: Continuar lendo

Anúncios

O Franco Atirador (1978): O fim da Infância do Sonho Americano

Screenshot (247)

“O Franco-Atirador” (1978) é um daqueles filmes que te faz engolir o choro algumas vezes. Vencedor de 5 Oscars (quando o prêmio da Academia valia de alguma coisa), é o retrato da alegria em meio à tragédia e das tragédias que suspendem as ilusões do homem. Michael (Robert DeNiro) é enviado com dois amigos à guerra do Vietnam e suas vidas são profundamente transformadas lá. O filme é dividido em três partes com interregnos marcados pela admiração de Michael por Linda (Meryl Streep). A primeira parte foca em temas como amizade e amores. A segunda nos mostra os horrores e futilidades vividos na guerra. A terceira, por fim, nos leva de volta aos Estados Unidos, onde nada nunca mais será como antigamente para os três amigos. Continuar lendo